Projetos Maker Como Forma de Promover o Desenvolvimento do Raciocínio Formal

Karen Borges, Crediné de Menezes, Lea Fagundes

Resumo


Resumo. Este artigo apresenta um estudo de caso realizado no contexto da cultura maker, nas dependências do POALab, que é o laboratório de fabricação digital do Instituto Federal do Rio Grande do Sul, câmpus Porto Alegre. O objetivo deste experimento era verificar como os sujeitos aplicavam o pensamento computacional na criação de um produto e como as atividades envolvidas poderiam promover o uso do pensamento formal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5753/cbie.wie.2016.515