Potencializando a programação de jogos digitais de matemática através do Scratch e da avaliação Game Flow

Elaine Sobreira, Cintia Shimohara, Olavo Ito

Resumo


A criação de jogos digitais associado ao conteúdo de matemática pode favorecer o desenvolvimento de aprendizados tanto relacionados aos saberes matemáticos, quanto ao desenvolvimento de um letramento digital. No entanto, criar um jogo desafiador e atrativo que envolva conteúdos escolares torna-se um desafio quando o trabalho é desenvolvido por alunos do ensino fundamental I. Para que os alunos pudessem desenvolver bem a criação de desafios matemáticos e refletir sobre aspectos relacionados à jogabilidade, foi proposto uma avaliação adaptada do método GameFlow, tornando-o acessível aos alunos do fundamental I para que pudessem analisar seus próprios jogos nos aspectos pedagógicos e de interface computacional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5753/cbie.wie.2016.436