GAIA: uma proposta de um guia de recomendações de acessibilidade de interfaces Web com foco em aspectos do Autismo

Talita Britto, Ednaldo Brigante Pizzolato

Resumo


Neste artigo, descrevemos a proposta de um website de código e acesso abertos projetado para divulgar um conjunto de recomendações de acessibilidade web para pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) chamado GAIA, o qual tem a intenção de auxiliar desenvolvedores web a projetar interfaces web mais acessíveis a estes usuários. Estas recomendações foram extraídas através de um processo de revisão de 17 trabalhos publicados entre 2005 e 2015, incluindo recomendações internacionais, softwares comerciais ou acadêmicos e artigos revisados por pares. Identificamos 107 recomendações que foram agrupadas em 10 categorias através da técnica de diagrama de afinidades. Em seguida, normalizamos as recomendações em cada categoria de acordo com similaridades e declarações duplicadas, gerando um conjunto de 28 recomendações únicas. Como resultado, evidenciamos melhores práticas para projetar interfaces web acessíveis a pessoas com TEA baseado em soluções de sucesso presentes em trabalhos de diferentes contextos. Com estes resultados, esperamos contribuir com o estado da arte de acessibilidade web cognitiva. Dessa forma, disponibilizamos as recomendações em um repositório no GitHub, para que estes resultados possam ser utilizados tanto por pesquisadores quanto por profissionais técnicos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5753/cbie.sbie.2016.816